The changing world of English


By Rose Gimenes

A presente resenha tem em foco o texto ‘The changing world of English’ por Jeremy Harmer publicado pela Editora Longman em 2007. Harmer inicia seu texto fazendo uma contextualização do atual momento em que a língua inglesa é utilizada por todos os meios de comunicação nos quatro cantos do mundo entre pessoas que não compartilham do mesmo idioma e precisam entender-se. Assim como aconteceu no passado com o Latim o número de falantes nativos está sendo superado constantemente  por pessoas que utilizam o inglês como segunda língua ou terceira língua nos seus propósitos de comunicação.

Harmer ilustra seu discurso com as estimativas numéricas de outros autores que também se detiveram sobre esta questão como Kachru (1985),  e Crystal (2003) segundo o qual o número de falantes nativos constitue uma minoria proporcionalmente em constante decréscimo.

A seguir o autor passa a explorar o contexto histórico a respeito de como o inglês veio sendo ensinado através desde os tempos coloniais em que a língua era imposta como uma forma de auxiliar a administração e manter o poder dos colonizadores. Harmer cita a importância econômica em que a globalização aparece como uma ameaça às identidades locais como uma nova forma de colonização. Uma vez que grande número de trabalhos acadêmicos nas mais diversas áreas do conhecimento se encontram em língua inglesa, a importância da língua como veículo de divulgação do conhecimento científico, ou como meio de comunicação nos intercâmbios culturais e viagens e veiculação de cultura também é abordada no texto.

Algumas preocupações entretanto são descritas no texto como a possível extinção das línguas em decorrência da utilização da língua inglesa, segundo Crystal (2003) que em 500 anos o inglês talvez seja a única língua a ser aprendida no planeta, o que seria o maior desastre intelectual da história da humanidade. Entretanto, espera-se que a identidade social e cultural das comunidades seja o suficiente para manter uma língua viva.

Em relação ao futuro da língua inglesa o autor cita as possibilidades consideradas por Draddol (1997) dentre as quais, o ganho de status de outros idiomas como espanhol, mandarim e árabe na comunidade mundial devido ao seu poder econômico fortalecido ao contrário do poder catastrófico da língua inglesa temido por Crystal.

Harmer ilustra as divergências de pontos de vista de autores como Jerkins que defende o ensino focado na comunicação e no fortalecimento da ligação da língua com a identidade do aluno ao invés  da imposição  do native British standard. Para Vicky Kuo (2006) no entanto, é importante que seja dada ao aluno a oportunidade de se apropriar do padrão nativo.

Assim, o autor deixa claro que o ensino de língua inglesa do velho mundo está em transição, tem sido e continuará a ser ensinada em uma grande variedade de situações, e ressalta que se os alunos deixam a educação primária com uma boa base de conhecimento eles poderão tornar-se falantes competentes do idioma quando estiverem na universidade e que preservar o accent de quem fala pode ser importante no sentido de deixar clara a identidade do falante.

Desta forma para o professor que lê o texto, fica claro o momento de transição que estamos vivendo e a necessidade de expor o aluno ao idioma dando-lhe oportunidade de apropriar-se e fazer uso do mesmo o quanto antes para que não seja excluído da sociedade em que já está vivendo.

1 Comment

Filed under English Language Teaching

One response to “The changing world of English

  1. i’m flattered by your kind words, thanks for sharing this info with your readers!http://www.ecadastro.com.br

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s